sexta-feira, 22 de maio de 2015

O que fazer em Londres - Roteiro de 4 dias

Londres é uma cidade que atrai turistas do mundo inteiro. Curiosos para conhecer a monarquia do país, o estilo alternativo de grande parte da população, e uma cultura que com o tempo só se fortalece.

É realmente impressionante como tudo na cidade funciona, é limpo e bem sinalizado. Para terem uma ideia, levei bronca do guarda por atravessar a rua com o sinal vermelho para pedestre (apesar de estar na faixa e de não ter carro passando no momento)!

Fiquei 4 dias na cidade, dá para conhecer os principais pontos, mas sempre fica o gostinho de quero mais.

Nos hospedamos no Hostel Clink próximo a King Cross, além da boa localização, eles oferecem alguns benefícios para os hóspedes, como refeições mais baratas pela região.


Dia 1

Como de costume, no primeiro dia em Londres fizemos o Free Tour da Sandemans , o tour sai da Covent Garden Piazza às 10h ou 11h. Nesse tour de 2h e 30 min, terá a oportunidade de conhecer os principais pontos da cidade como o Palácio de Buckingham e a Troca da Guarda (veja o calendário atualizado para programar a sua visita). A Troca da Guarda de Londres é um espetáculo, vale muito a pena conhecer. Mas tente chegar com antecedência, pois o espaço é super concorrido. O processo dura cerca de 30 min.

Além do palácio, o tour passa pelo Big Ben, St Jame`s Park, Westminster Abbey, London Eye, Trafalgar Square, entre muitos outros pontos. Ou seja, conseguirá logo no primeiro dia ter uma visão geral sobra a cidade.





Após o Tour, tire um tempo para passear as margens do Rio Thames, se tiver interesse, volte para a National Gallery e conheça um dos museus mais famosos de toda Europa. 

Termine o dia conhecendo o famoso Picadilly Circus e o Soho. Se optar por não entrar no museu, provavelmente sobrará um tempo passear pela Oxford Street e fazer compras na baratíssima Primark.









Dia 2

Hoje vamos conhecer o outro lado de Londres e o bairro de Bankside.
Desça na estação de metro Tower Hill e siga para a incrível Tower of London, todo o ambiente é repleto de história como os assassinatos dos príncipes filhos de Eduardo IV na 
Torre Sangrenta que recebeu tal nome pela história que atormenta suas paredes. Aqui também á onde as jóias da coroa britânica ficam guardadas.

Saindo da Torre, atravesse a Tower Bridge e siga em direção a mais bela ponte de todas, a London Bridge, a grandiosidade e beleza dessa ponte impressionam a todos os turistas que visitam a cidade. Tire um tempo para cruzar e descruzar a ponte, observando todos os detalhes e beleza envolvidos na obra. A ponte original de Londres foi uma das mais famosas do mundo, pois era a única na cidade a cruzar o Tâmisa até que se inaugurou a Ponte de Westminster em 1750. Originalmente foi construída de madeira, mas em 1136 a ponte pegou fogo e foi reconstruída em pedra.





Ar sair da ponte, passe em frente ao Shakespear Globe, um antigo teatro inglês que possui esse nome, pois Shakespear foi um dos sócios. Cruze a Millenium Bridge e siga em direção à belíssima Saint Paul’s Cathedral, uma das mais belas igrejas que já visitei. Infelizmente eles cobram para entrar e acabei não conhecendo internamente, consegui dar uma espiadinha, mas não entrei efetivamente.







Dia 3

Nossa primeira parada é o Natural History Museum, mesmo se não quiser entrar, vale apena passar na frente só para ver a bela construção. O museu é mais voltado para pessoas interessadas em ver dinossauros e aprender mais sobre o desenvolvimento da fauna e da flora no mundo. De lá, vá caminhando até o Kensington Palace, uma residência real que atualmente é utilizada pelo Duque e a Duquesa de Cambrigde.






Siga pelo Kensington Garden sentido Knightsbridge, é nessa avenida que encontrarás a famosa loja de departamento Harrods, não deixe de entrar! Ao sair da Harrods, passe pelo famoso Hide Park, curta o parque.



Ao sair, vá em direção a Royal Opera House, é uma das casas de ópera mais importantes do mundo e possui uma bela arquitetura.

Siga sentido The British Museum, é um dos museus mais visitados do mundo. A entrada é gratuita e funciona diariamente das 10h às 17:30h.  A sua coleção permanente inclui peças como a Perda de Roseta e os frisos do Partenon de Atenas. Finalize o dia na bela Russell Square que fica ao lado do museu.

A noite vá ao Ice Bar da Absolut. Não conseguirá ficar muito tempo porque é frio demais, mas vale a pena conferir.




Dia 4

Nosso quarto dia foi curto, pois viajaríamos a noite. Optamos por deixar para o último dia, um dos bairros mais alternativos e engraçados de Londres, Camden Town. Caminhe pelas ruas, divirta-se com a fachada das lojas e curta o bairro. Siga em direção ao Regentes Park (como pode perceber Londres é uma cidade cheia de parques), e disfrute sua beleza.
Próximo ao parque encontrarás o museu de cera Madame Tussauds, é um dos poucos museus de Londres que terás que pagar a entrada. Mas é algo totalmente diferente, pois possui réplica dos artistas mais famosos em tamanho real. É bem divertido!





Londres é uma cidade encantadora, se gosta de balada, não deixe de conhecer a The Fabric, com vários ambientes e ótima musica! A maioria dos museus possui entrada gratuita, portanto, mesmo se não for muito fã, vale a pena entrar para conhecer. E claro, você precisa comer fish and chips e andar no ônibus de 2 andares! Só assim concluirá sua estadia na cidade da Rainha.

Nossos dias em Londres chegaram ao fim, despachamos as malas rumo ao próximo destino, com a certeza de que um dia voltaremos para mais uma visita!

Se já esteve em Londres e tem mais dicas para passar, comente esse post e compartilhe suas experiências!

Está viajando vários dias pela Europa? Sugiro fazer um roteiro entre 4 capitais, Paris, LondresBerlim Amsterdam. Espero que se encante tanto quanto eu!
Nenhum comentário:

Postar um comentário