quarta-feira, 24 de junho de 2015

Voando em Empresas Low Cost

Voar barato é um desejo de muitos, e se tem um lugar onde isso é possível é na Europa. O continente possui diversas opções de cias aéreas que oferecem preços extremamente atrativos a seus clientes. As viagens a baixo custo atravessam o continente e entre as companhias mais famosas estão a RyanAir e a EasyJet.


Como já tive algumas experiências com esse tipo de empresa, decidi escrever esse post para ajuda-los em sua pesquisa e dar algumas dicas de evitar algumas roubadas que eu não sabia nas minhas primeiras viagens.



Onde comprar?


Além de poder comprar direto no site das empresas, um excelente buscador é o Skyscanner. O site possibilita comparar os preços das empresas Low Cost proporcionando ao cliente a melhor relação custo benefício. 

Outro buscador com o mesmo objetivo é o Europelowcost, que além de pesquisar tarifas reduzidas possui buscas de voos comuns. 

Geralmente eu acabo utilizando o Skyscanner em minhas viagens.



Mala de mão

Se vai viajar em empresas Low Cost, vá com o mínimo possível de bagagem!!!
As empresas permitem apenas uma mala de mão, detalhe para as mulheres, bolsa é considerada mala de mão, ou seja, não poderá entrar no voo com uma bolsa e uma mala pequena, a bolsa deverá ir dentro da mala, portando, se programe com antecedência. Eu não viajo para a Europa com bolsas grande, aprendi na marra que é melhor uma bolsa pequena. Essa regra vale para máquinas fotográficas, pochetes, etc.

Os limites das malas de mão também são bem rígidos! Se a mala for centímetro maior que o permitido, prepare-se para uma taxa extra. Para saber se suas malas estão no padrão da empresa, provavelmente pedirão para encaixá-la em um suporte metálico, quanto ao peso, algumas deixam livre e outras adoram o peso máximo de 10 kg. Nem todas as cias aéreas são tão rígidas, mas sugiro seguir as regras.

Se precisar de orientação vale a pena comprar a mala em uma loja especializada que já saiba das medidas, segue abaixo uma imagem para ajuda-los:





Malas a despachar

As malas a despachar também são um ponto de atenção, nesse caso principalmente por causa do peso. Confesso que já viajei com 2 casacos no corpo pra diminuir o peso da bagagem. As empresas low cost são extremamente rígidas com o peso, e o volume considerado por cada uma é bem baixo, menor que os utilizados em voos internos pelo Brasil.

Geralmente uma empresa low cost permite que cada mala possua apenas 20kg, nem 100g a mais, por isso você verá diversas pessoas com a mala aberta no aeroporto estudando o que tirar da mala, já fiz isso algumas vezes. Os 20 kg são uma média, mas pesquise antes quanto a sua cia aérea permite.

Outro ponto interessante, é que ao comprar a sua passagem você decide se comprará o direito de despachar uma mala ou não. Portanto, não se esqueça de comprar a quantidade de malas exatas para não ter custos extras no momento do embarque.



Check-in e embarque

Sempre faça o check-in online! Se deixar para fazer o check-in no aeroporto também terá custos extras. Geralmente as plataformas online funcionam até 4 horas antes do voo.

Preste atenção ao horário, pois essas empresas não toleram atrasos! O ideal é sempre chegar com pelo menos 2h de antecedência.

No momento do embarque, como não há assento marcado, fique atento e tente entrar com antecedência na aeronave para escolher os melhores lugares. Já aviso, o conforme é proporcional ao preço, nem todas as poltronas são reclináveis e com muito espaço, mas em minha opinião, são suficientes para voos curtos como os europeus.


Dicas
  • Tente se organizar e comprar a sua passagem com 6 a 3 meses de antecedência, quanto antes você comprar mais chance de encontrar passagens baratas você terá.
  • Leia todas as condições da empresa para não ser surpreendido de última hora, detalhes como fazer o check-in no aeroporto pode parecer comum, mas nessas empresas pode acarretar em custos extras
  • Muitas vezes as empresas low cost utilizam aeroportos secundários para reduzir custo, portanto preste atenção na localização do aeroporto para programar o tempo que gastará até o destino final.

  
Parece assustador ter que pagar por qualquer deslize, mas fique tranquilo, basta planejar que não terá problema nenhum. Boa viagem!



Nenhum comentário:

Postar um comentário